Campanha salarial: servidores avançam nas negociações com a Prefeitura

Paulista Em Foco | 07:44 | 0 comentários

Após sete reuniões com a gestão municipal do Paulista, o Sindicato dos Servidores Municipais do Paulista (Sinsempa) avançou em relação à Campanha Salarial deste ano, como por exemplo, a questão habitacional. O 1º módulo deverá ser composto por 300 unidades habitacionais para os servidores associados com renda de até R$ 1.800,00, conforme a Faixa 1 do Programa Minha Casa Minha Vida, parceria do Sinsempa com o MMPP e o Governo Municipal do Paulista.
A presidente Jucineide Lira assinala que foram apresentados valores iniciais para as matrizes dos três Planos de Cargos, Carreira e Vencimentos (PCCV), com a diferença da inflação dos últimos dois anos mais ganho real totalizando o percentual de 14% em todas as faixas. No nível técnico vem à correção da tabela com o distanciamento do nível médio. “Vale ressaltar que a aprovação dos três PCCVs será realizada após o encerramento da Campanha Salarial, com os novos valores acordados. Por sua vez, a titulação segue em análise esperando apenas a Comissão ser nomeada para a conferência e implantação, com efeito retroativo a fevereiro de 2017”, frisou.
Outro ponto diz respeito à averbação dos Agentes Comunitários de Saúde (ACS) que se encontra em pauta de discussão. Já o servidor Técnico em Edificação, com proposta de adesão à Lei 4950-A, em estágio avançado.  Além disso, os servidores da Saúde com a questão da Gratificação de Desempenho (Produtividade SUS) também em discussão junto à Secretaria Municipal de Saúde.

“As demais categorias logo teremos mais novidades. Muitas das demandas necessitam de cálculos de impacto financeiro. Por isso, há demora no andamento da campanha. Para aqueles que insistem em torcer contra, estamos a pleno vapor na corrida para conquistas significativas e importantes para os todos servidores municipais. Os “oportunistas de plantão” podem continuar fazendo o seu barulho sem objetividade que logo serão engolidos pelo rolo compressor que é o Sinsempa, um sindicato combativo e de história de luta”, completou.

Categoria:

0 comentários