Caminhada contra exploração de crianças e adolescentes ganha as ruas do centro do Paulista Uma caminhada de conscientização aconteceu na tarde desta terça-feira (06.02) no Centro do Paulista. A atividade denominada “Brinque o Carnaval sem Brincar com os Direitos das Crianças e dos Adolescentes” foi realizada pela Secretaria de Políticas Sociais e Esportes do Paulista e reuniu centenas de foliões mirins. A assessora técnica do Sistema único de Assistência Social, Risomere Rezende, explicou o intuito da caminhada. “Queremos chamar a atenção da comunidade para que as pessoas fiquem atentas às crianças e aos adolescentes no carnaval. Nós continuaremos fiscalizando durante os dias de folia, mas contamos com a ajuda da população para que denunciem os casos de abuso e exploração através do Disk 100”, pontuou. João Lucas, 14 anos, é assistido pelo Instituto Dom Helder Câmara e comentou o que achou da ação. “Achei a caminhada muito importante, no carnaval ficamos mais vulneráveis e com esse movimento as pessoas podem prestar mais atenção nos detalhes. É muito importante que elas denunciem ao verem uma criança ou um adolescente que tenham seus direitos violados”, disse. O secretário de Políticas Sociais e Esportes do Paulista, Augusto Costa, falou sobre os grupos de percussão que fizeram parte do evento. “Esses garotos são do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos e todos eles tem a participação efetiva da SPSE, através de ações diretas da secretaria ou em parceria com as ONG’s”, comentou. Ele ainda fez um apelo para quem vai cair na folia. “Vamos brincar, mas vamos brincar respeitando o direito das crianças e dos adolescentes”, frisou. A ação teve o apoio do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente do Paulista, do Conselho Tutelar, do Conselho Municipal de Assistência Social e CREAS. Marcaram presença a Casa da Juventude do Paulista, CRAS, CREAS, COMCAP, Anjo da Guarda, Associação Santa Clara, Escola Comunitária Vovó Tita, Instituto do Hélder, Center, CAVIDA, Menonita, Casa Hebert, Associação de Pau Amarelo e Creche Maria de Nazaré.

Paulista Em Foco | 11:18 | 0 comentários

Uma caminhada de conscientização aconteceu na tarde desta terça-feira (06.02) no Centro do Paulista. A atividade denominada “Brinque o Carnaval sem Brincar com os Direitos das Crianças e dos Adolescentes” foi realizada pela Secretaria de Políticas Sociais e Esportes do Paulista e reuniu centenas de foliões mirins.
A assessora técnica do Sistema único de Assistência Social, Risomere Rezende, explicou o intuito da caminhada. “Queremos chamar a atenção da comunidade para que as pessoas fiquem atentas às crianças e aos adolescentes no carnaval. Nós continuaremos fiscalizando durante os dias de folia, mas contamos com a ajuda da população para que denunciem os casos de abuso e exploração através do Disk 100”, pontuou.
João Lucas, 14 anos, é assistido pelo Instituto Dom Helder Câmara e comentou o que achou da ação. “Achei a caminhada muito importante, no carnaval ficamos mais vulneráveis e com esse movimento as pessoas podem prestar mais atenção nos detalhes. É muito importante que elas denunciem ao verem uma criança ou um adolescente que tenham seus direitos violados”, disse.
O secretário de Políticas Sociais e Esportes do Paulista, Augusto Costa, falou sobre os grupos de percussão que fizeram parte do evento. “Esses garotos são do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos e todos eles tem a participação efetiva da SPSE, através de ações diretas da secretaria ou em parceria com as ONG’s”, comentou. Ele ainda fez um apelo para quem vai cair na folia. “Vamos brincar, mas vamos brincar respeitando o direito das crianças e dos adolescentes”, frisou.

A ação teve o apoio do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos, do Conselho Municipal da Criança e do Adolescente do Paulista, do Conselho Tutelar, do Conselho Municipal de Assistência Social e CREAS. Marcaram presença a Casa da Juventude do Paulista, CRAS, CREAS, COMCAP, Anjo da Guarda, Associação Santa Clara, Escola Comunitária Vovó Tita, Instituto do Hélder, Center, CAVIDA, Menonita, Casa Hebert, Associação de Pau Amarelo e Creche Maria de Nazaré.   

Categoria:

0 comentários